Infraero alerta para pico de movimento de carga aérea em 03 de novembro

Em comunicado enviado a seus parceiros, a gerência de logística de cargas do Aeroporto de Viracopos informou que os processos de liberação e entrega de cargas deverão sofrer impactos no dia 03 de novembro em razão dos feriados que começam no dia 28/10 (dia do funcionário público, feriado que será seguido pela Receita Federal) e termina no dia 02 de novembro, dia de Finados. Leia mais


Logística é o principal gargalo do País segundo empresariado

O setor logístico é considerado pelo empresariado brasileiro como o maior gargalo de infraestrutura do Brasil. Essa é a conclusão da pesquisa Ibope feita a pedido da Câmara Americana de Comércio (Amcham). Segundo o levantamento, depois do setor de logística e distribuição, apontado por 54% dos entrevistados, veio o de telecomunicações (30%). A área de energia, que ficou marcada pelo racionamento de 2001, foi mencionada por 4% das companhias consultadas. Leia mais


Infraero muda inspeção de cargas de madeira em Viracopos

Em reunião extraordinária realizada no último dia 22 de outubro, a Comissão de Coordenação do Terminal de Logística de Carga do Aeroporto de Viracopos apresentou a nova sistemática que vem sendo utilizada para a inspeção de cargas de madeira.

No novo procedimento, após identificadas, as cargas com madeira bruta são segregadas em um espaço especialmente criado para essa função e, quando esta área estiver completa,  o Ministério da Agricultura é acionado para fazer a inspeção de todos os Leia mais



Feira Logisvale Internacional 2011 terá gás e petróleo entre âncoras

Feira de Logística e Comércio Exterior fica ainda mais valorizada com declaração do presidente Lula de que Petrobras fará do país “exportador de derivados de petróleo”

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta segunda-feira, 18/10, na REVAP – Refinaria do Vale do Paraíba – que investimentos da Petrobras vão transformar o Brasil em um exportador não só de petróleo, mas também de seus derivados. Segundo ele, a venda desses produtos para o mercado externo trará mais renda para a empresa e para o País como um todo. “Não queremos exportar somente o óleo cru”, disse o presidente. “Queremos exportar derivados do petróleo, com maior valor agregado, com mais investimento tecnológico, para que a gente possa ganhar mais dinheiro.” Leia mais