Artigo do setor – Palavra do Presidente do Sindasp – “Desafios para 2015”

O ano de 2014 está quase no fim e os despachantes aduaneiros correm contra o tempo para equilibrar as receitas e as despesas e fechar o orçamento em dia. Ao mesmo tempo, são planejados os principais investimentos para o exercício financeiro do próximo ano.

O SINDASP, da mesma forma, também se prepara para os desafios de 2015. Este ano foi um tanto “apertado”, uma vez que tivemos que trabalhar com contenção de despesas. Podemos dizer que estamos fechando o orçamento de 2014 com segurança, mas teremos que continuar equilibrando nossas contas.

Temos desafios para 2015, pois sabemos que este foi um ano atípico na economia nacional e que certamente trará reflexos. Vamos fazer o que for possível para manter o que mais zelamos que é o plano de saúde para nossos associados e família, pois se a saúde está bem, do mais, nós cuidamos.

Com relação à defesa da nossa categoria entregamos projetos em Brasília e continuaremos presentes e pontuando o envolvimento e participação do despachante aduaneiro no comércio exterior e mais ainda nos mantendo ativos e importantes na cadeia logística.

Quanto à segurança dos honorários do despachante vamos dar continuidade às ações iniciadas neste ano e ao grupo de trabalho GRH, lutando contra a deslealdade praticada no mercado, valorizando e conscientizando quanto ao recolhimento dos honorários.

Vamos continuar acompanhando o andamento da Instrução Normativa do Operador Econômico Autorizado e portal único. Iniciamos o ciclo de palestras. Faremos outras para promover esclarecimentos e mais do que isso, estivemos firmes em Brasília a fim de garantir os direitos do despachante aduaneiro neste projeto.

Convidamos vocês, associados, para estarem conosco na próxima assembleia que será realizada no dia 24 de novembro. Sua participação é muito importante!

Em 2015 terá vez no mercado os empreendedores inovadores. Então orientamos a todos que participem dos eventos agendados pelo SINDASP, palestras, workshops, e demais ações em prol do nosso aprendizado e desenvolvimento.

 

Marcos Farneze – Presidente SINDASP


SISCOSERV: Antídoto, não veneno

Por: Adilson Chaves

O cotidiano de Consultorias e Treinamentos nos tem apresentado um cenário desnecessariamente preocupante. Empresas e profissionais têm aferido ao SISCOSERV um status de desgraça que claramente não lhe pertence e está fora do lugar. Leia mais